Aceleração digital nos negócios, com um olhar de Martha Gabriel

Após uma aula sobre tecnologia, resolvemos aproveitar o entusiasmo sobre a temática e escrever acerca de uma frase da autora Martha Gabriel que apresenta a urgência da aceleração digital nos negócios. 

Em seu último livro publicado pela editora Atlas, com o título “Você, eu e os robôs: pequeno manual do mundo digital”, Martha Gabriel reflete sobre novos códigos, tanto tecnológicos, como comportamentais que estão sendo desenvolvidos por nós, humanos. Tais códigos têm nos feito ressignificar a sociabilidade diante do mundo digital, potencializada pela internet e todo o seu viés de redes e conexões.

Na frase que nos chamou a atenção, Martha Gabriel explica que a velocidade com que as coisas se transformam é fator decisivo para os novos tempos. “(…) As possibilidades para o ser humano do futuro são inúmeras, trazendo, simultaneamente, entusiasmo e inquietação. (…) Nunca dantes também vivemos uma revolução tão rápida e intensa. A única certeza que temos daqui para frente é que não existem mais certezas e que se preparar para abraçar a mudança e a tecnologia, desenvolvendo as habilidades essenciais para o século XXI – sem preconceitos e com desapego do passado – é a única arma que possuímos para vencer a revolução digital” (Id., 2018, p.271).

Devemos levar em consideração que as organizações são sistemas abertos e sociais por sofrerem interferências do meio e serem constituídas por pessoas. Essas interferências como pandemias, catástrofes ambientais, mudanças culturais exigem das marcas um midset inovador, ágil e disruptivo.

E vale abrir um parêntese: nosso olhar quase antropológico de comunicólogos deve nos fazer participar, observar e analisar os fenômenos sociais, culturais, ambientes, políticos, etc., em tempo real. É o mergulho que precisamos para vivenciar nossa profissão como manda o “figurino acadêmico”. Então, a partir desse olhar, devemos fazer interpretações e interferências positivas no cenário sociocultural em que nos encontramos.

Esta imagem possuí um atributo alt vazio; O nome do arquivo é design-sem-nome-1.png
A aceleração digital nas empresas é um convite para o novo. Você está disposto a se desapegar de velhos hábitos?

E como bem analisamos, a implementação da cultura digital nos negócios vai além de aparatos tecnológicos de última geração. É mudança de pensamento, de comportamento…Viver a cultura digital é viver uma verdadeira ruptura cultural nas organizações, principalmente nas mais tradicionais. E isso vem carregado de uma série de significados, como por exemplo, a quebra de linhas hierárquicas, o incentivo à colaboração entre os membros da equipe, o apreço pela transparência na comunicação, o senso de comunidade ( todos estão interligados e são essenciais para aquele ambiente), a interatividade contextualizada, a proatividade e inteligência na tomada de decisões, principalmente com foco no cliente e não em pensamentos internos, as respostas em tempo real, entre outros.

As marcas precisam ter urgência em viver o digital. Como já vimos, não se trata de uma tendência, mas sim de uma nova cultura vivenciada e abraçada por todos nós.

Agora, reflita e nos diga: como sua empresa está vivendo esta era digital? Quais são os entraves que estão impedindo que haja uma verdadeira revolução digital no seu ambiente corporativo? O que você pode fazer HOJE para começar a alterar essa realidade?

Por: David Johnson e Walline Alves

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s