Como ter inspiração para ideias criativas?

Todos nós somos criativos, mas nem todo mundo sabe explorar essa característica que constitui a essência do ser humano!

O processo criativo envolve diversas facetas. Habilidades simples e técnicas especializadas podem estimular o ato de criatividade, já dizia o autor Ken Robison.

Um dos primeiros caminhos para iniciar o processo diário de criatividade é desbloquear o condicionamento operante negativo ao qual você foi ou é submetido por terceiros. Compreenda: VOCÊ É CAPAZ sim, não importa o quanto digam que você não é. Então, que tal explorar mais a sua curiosidade, independência, bom humor, persistência, espontaneidade , ler mais livros, ver mais filmes, ouvir mais músicas, dedicar-se mais a uma arte ou simplesmente buscar mais inspirações nos espetáculos que a natureza nos oferta diariamente?

Que tal transformar criativamente os abacaxis diários?
Que tal transformar de forma criativa seus abacaxis diários? Foto: unsplash

Mas o que você tem feito para se transformar em uma pessoa mais criativa?

Tem certo momento em que devemos parar para pensar naquilo que nos faz bem. Isso nos ajuda a manter nossa inspiração. A curiosidade, como já vimos, é um dos hábito que temos que trabalhar constantemente para manter nosso processo criativo. Ela nos incentivar a ter novas ideias, afinal, uma pergunta leva a outra …

Discutir uma ideia nova com um amigo ou até mesmo fazer  anotações no caderno, mesmo que no momento possa parecer sem sentido ou irrelevante é importante, porque futuramente elas serão importantes para nos ajudar a ter novas inspirações. Leonardo Da Vinci que diga…

Respeite seu ritmo

Se cobrar muito não melhora a criatividade, pelo contrário isso pode acabar gerando muita pressão e paralisar sua imaginação.  Ao invés disso, que tal olhar para o seu processo de criatividade com mais confiança?  Confie em você, na sua capacidade e saiba que tudo isso vai valer a pena independentemente dos seus resultados.

Aqui segue uma seleção de cinco livros que vão turbinar sua criatividade, com base no post de Mude.Nu

1. O Cérebro Criativo por Shelley H. Carson :

Com um texto divertido. a Dra. Shelley Carson nos mostra que a criatividade não é uma característica exclusiva de artistas e cientistas; pelo contrário. todos nós possuímos o pleno poder da inventividade. Através de exercícios simples. a autora explica o que acontece no cérebro quando pensamos e como podemos explorar áreas desse órgão para potencializarmos a procura por soluções criativas.

2. Rápido e devagar: Duas formas de pensar por Daniel Kahneman

Rápido e devagar: duas formas de pensar apresenta uma visão tão inovadora quanto inquietante sobre como a mente funciona e como as decisões são tomadas. No livro, o autor explica as duas formas como se desenvolvem o pensamento humano: uma é rápida, intuitiva e emocional; a outra, mais lenta, deliberativa e lógica.

3. Roube Como Um Artista. 10 Dicas Sobre Criatividade por Austin Kleon

Verdadeiro manifesto ilustrado de como ser criativo na era digital, Roube como um artista, do designer e escritor Austin Kleon, ganhou a lista dos mais vendidos do The New York Times e figurou no ranking de 2012 da rede Amazon ao mostrar – com bom humor, ousadia e simplicidade – que não é preciso ser um gênio para ser criativo, basta ser autêntico.

4. Creativity, Innovation, and Quality por Paul E. Plsek

No livro Creativity, Innovation, and Quality, Paul Plsek enuncia três pilares para o processo criativo: Atenção: a fase em que você se concentra na situação atual, utilizando principalmente o elemento da observação; Fuga: quando você escapa do pensamento convencional para mudar aquela situação, utilizando perguntas, associação e os pensamentos de outras pessoas; e Movimento: a etapa na qual você experimenta as soluções imaginadas, sem medo de errar ou de passar por ridículo.

5. De Onde Vêm As Boas Ideias por Steven Johnson

Quais são os espaços que fizeram história ao gerar níveis excepcionais de criatividade e inovação? Que processos estimulam nossa criatividade? O que podemos fazer para recriá-los em nosso cotidiano? Steven Johnson, um dos mais importantes pensadores da internet, investiga como surgem as boas ideias e as características dos ambientes em que elas são mais comuns.

Que tal exercitar sua criatividade? Não tenha medo, vamos lá!

Por: Walline Alves e Hyoanna Martins

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s