Home Office: o futuro do trabalho para profissões criativas?

Ai, home office…Suspiro só de pensar! Confesso que por vezes me desestimulo só de imaginar em enfrentar engarrafamento, estresse no trânsito, além de certas situações peculiares no ambiente de trabalho, ou seja, aquele clima organizacional desfavorável, que, em algumas empresas/setores, vigora a maior parte do tempo e nos leva a total falta de concentração, tão logo, à diminuição da produtividade!

O home office hoje já é uma realidade para muitas profissões, em especial, para as associadas às indústrias criativas. Por quê? O motivo é simples: podemos fazer as atividades que nos são exigidas em qualquer lugar do mundo! A presença física na empresa não é fator determinante para a execução de um trabalho.

A própria legislação brasileira já reconhece essa modalidade. A nova lei trabalhista regulamentou a prática do teletrabalho (home office). Ela prevê que o controle de trabalho será feito por tarefa executada.

Bingo! Reconhecimento do óbvio para algumas profissões. Logicamente isso não significa que o funcionário não irá aparecer mais na empresa. Reuniões presenciais são importantes para realinhamentos de metas, desenvolvimento de brainstorming etc. Reuniões produtivas são sempre válidas. Para as demais, oremos! Quem aí não tem paciência para reuniões que levam à equipe para lugar nenhum e são verdadeiras percas de tempo? \o.

Na contemporaneidade, as empresas passaram a relevar a importância da criatividade como insumo de produção. Isso correu porque a criatividade passou a ter papel transformador e super estratégico no sistema produtivo.

O publicitário e design Carlos Augusto Silva Jr., da empresa Cacau Marketing Criativo, afirma que para trabalhar em home office precisou modificar algumas atitudes, para que conseguisse produzir com qualidade e entregar seus jobs no prazo combinado com os clientes.

Processed with VSCO with hb1 preset
Carlos Augusto no ambiente que mais ama trabalhar: sua casa!

“No começo tive muita dificuldade, pois não conseguia me concentrar na minha casa. As distrações são inúmeras: visitas, netflix, pessoas me chamando toda hora. Foi então que compreendi que eu precisava mudar alguns comportamentos. Hoje em dia, por exemplo, eu aviso a minha família que estou em home office e não há mais interferências enquanto estou produzindo”, frisa.

A colaboração da família é, de fato, essencial para que o profissional faça do seu lar um ambiente propício para o trabalho. Não dá para pensar: “Ah, fulano está em casa, pode me ajudar rapidinho a fazer tarefa X ou Y”.

Além disso, o publicitário e design criou outras estratégias, como por exemplo, ter um quadro negro e um painel para anotar todas as demandas diárias. Assim ele não deixa mais trabalho pela metade ou esquece alguma tarefa. “Tenho experiência em outras empresas, as quais exigem a presença física do trabalhador, então, posso afirmar: trabalho com mais foco fazendo home office”, sublinhou.

Eu tenho a mesma opinião que ele! Incrível como minha concentração em casa triplica! Me tranco no meu office e só paro quando todas as tarefas que eu estipulei foram feitas. Aprendi a ter foco e concentração em casa com os estudos, então, levar isso para o âmbito profissional foi bem tranquilo. Mas, infelizmente as relações trabalhistas ainda são muito tradicionais e ficamos presos a estruturas que não mais se adequam a nossa forma de pensar, agir e trabalhar!

É importante frisar também que, na maioria das vezes, quem faz home office trabalha muito mais do que na empresa. Não vá pensando que é moleza não…

Você certamente não vai parar uma atividade que está quase concluindo, só porque já deu 18h, não é mesmo? Na empresa, é fácil você deixar para finalizar o trabalho no outro dia, afinal, tem que sair correndo, pois ainda irá enfrentar um longo engarrafamento antes de chegar em casa…Ou, na situação inversa, você concluir suas tarefas antes do prazo e ter que ficar olhando para o relógio até “dar a hora de ir embora”. É trash.

Eu considero home office uma forma de trabalhar com mais produtividade e entusiasmo e isso, em mim, gera felicidade! Pense em um ser humano FELIZ quando trabalha em casa?

Uma solução para não ficar totalmente fora do ambiente da empresa, é propor aos profissionais criativos a divisão das tarefas semanais em home office e in loco. Seria uma boa solução também, pois considero importante estar conectado com o ambiente de trabalho no qual você se insere.

Estamos vivendo na era da cultura digital, na qual transformações socioculturais surpreendentes estão acontecendo de uma forma muito rápida. Ou seja, o mundo mudou e continua mudando. Não é compreensível que os gestores de empresas não assimilem essas atuais dinâmicas. Afinal, há uma grande exigência das empresas para que seus profissionais possuam competências cada vez mais complexas, mas, na prática, elas subaproveitam ou não valorizam os talentos que possuem.

O fato é que, infelizmente, de acordo com estudos, há prevalência de um caráter organizacional ainda autoritário, hierarquizado e centralizado (SANTA’ANNA, online, s/d).

Deixo aqui um infográfico com profissões da indústria criativa que podem perfeitamente trabalhar com a cultura do home office:

PROFISSIOESCRIATIVAS

Bônus: Momento decor (kkkkkkkkk). Estou na fase de coração do meu home office, então, vou deixar algumas inspirações para vocês.

Por: Walline Alves

Agradecimentos: Rafael Carvalho Fotografia, pela ajuda na produção de hoje

2 comentários Adicione o seu

  1. tbrulinger disse:

    Ei, Walline, eu também escrevi sobre esse tópico recentemente no meu blog. Dá uma olhada aqui: https://thaisbrulinger.com/2014/05/02/e-se-todos-fossemos-home-officers/

    Ah, e parabéns pelo seu artigo! Excelente mais uma vez. Já estou te seguindo! 😉

    Curtir

    1. Que bacana! Vou ler agora mesmo! Vamos trocar dicas, sugestões de pautas! 😉 Obrigada mais uma vez

      Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s